Fotografo: Reprodução/google
...
foto meramente ilustrativa

Das quase 1.800 propriedade rurais de Juara, cerca de 673 pecuaristas , ou seja, 33% já comunicaram o Instituto de Defesa Agropecuária (Indea) de Juara sobre a vacinação contra febre aftosa de seu rebanho, mais ainda está longe das expectativas esperadas até o momento.

Kidney Franklin, agente do Indea de Juara explica que prazo legal de vacinação dos animais bovinos e bubalinos vai até o dia 31 de maio e os pecuaristas terão até dia 10 de junho para comunicar o Indea.

O produtor que não vacinar e comunicar o Indea em tempo hábil previsto na lei está sujeito a penalidades, conforme rege a legislação, além de ter a ficha sanitária de animais bloqueada, o que ocasionará no impedimento de transporte de seus animais.