Fotografo: Reporter/MT
...
Foto meramente ilustrativa

Um jardineiro de 44 anos – que não teve o nome informado - foi preso no fim da tarde de quarta-feira (05) acusado de fazer sexo oral e ejacular numa menina de apenas 9 anos, no bairro Jardim Paula II, em Várzea Grande.

No boletim de ocorrência consta que uma equipe de policiais militares faziam rondas na Rua Pedro Pedrossiam, no Centro, quando foram acionados pela mãe da vítima.

A mulher informou que a filha havia sido violentada no último sábado (1º) e que o criminoso – que estava foragido - havia sido encontrado por moradores no momento em que andava tranquilamente pelo bairro.

Em diligências, com a mãe da menina acompanhando, o abusador foi localizado detido por populares, na Rua Clovis Huguiney. A equipe efetuou a prisão dele e o encaminhou para a Central de Flagrantes.

O agressor estava machucado, devido a agressões que sofreu antes da chegada da polícia.

O caso

No sábado, o estuprador foi até a casa da família, no momento em que a mãe não estava. Forçou a entrada pelo portão e violentou a menor.

Segundo relato da criança, o homem fez sexo oral e ejaculou no corpo da vítima. Em seguida, ameaçou a menina e disse que se contasse para alguém, mataria ela e sua família.

A criança foi encontrada com escoriações pelo corpo devido ao abuso.

O criminoso não é íntimo da família, ele havia anteriormente prestado serviços de limpeza de quintal para os mesmo. 

Desde o dia do crime, ele estava sumido da região.

Denuncie

Disk 100
Denúncias de violação de direitos de crianças ou adolescentes, especialmente em casos de abuso ou exploração sexual. A denúncia é anônima e o serviço gratuito.

Disque denúncia PM de Mato Grosso - 0800 653939

O serviço é disponibilizado, 24 horas por dia, para que o cidadão faça denúncia de todo tipo de crime de forma gratuita e  completamente anônima.