Fotografo: R7
...
Foto meramente ilistrativa

O FBI (Federal Bureau of Investigation) dos EUA disse nesta terça-feira (13) que não chegou a nenhuma conclusão firme sobre o que causou a megaexplosão de 4 de agosto no porto de Beirute, que matou quase 200 pessoas e causou bilhões de dólares em danos.

Outras agências governamentais dos Estados Unidos e da Europa que acompanharam de perto as investigações sobre a explosão acreditam firmemente que a explosão foi acidental.

"Nenhuma conclusão foi alcançada", disse uma porta-voz do FBI à Reuters por e-mail. Ela citou uma declaração anterior na qual a agência dos EUA disse que estaria “fornecendo aos nossos parceiros libaneses assistência investigativa” em sua investigação.

Ao mesmo tempo em que milhares de moradores de Beirute precisam lidar com a falta de moradia, a perda de patrimônio e memórias e a reconstrução de suas vidas pessoais após a megaexplosão que destruiu uma grande parte da capital do Líbano.

Os voluntários já estavam nas ruas no dia seguinte à explosão. Esta imagem foi feita na quarta-feira, dia 5 de agosto