Cidadão Repórter

(66)984617945
Juara(MT), Sexta-Feira, 23 de Abril de 2021 - 11:25
03/03/2021 as 11:45 | Por Portal Do Arinos | 260
Comunidade indígena Kawaiwete de Juara quer gerar renda através do fomento agrícola
Todo dinheiro adquirido com as vendas de castanha e agricultura gasto nos comércios de Juara.
Fotografo: Aldeia Kaiabi
Foto do fato

Neste ano de 2021, visando fomentar ainda mais a economia, a comunidade indígena Kawaiwete, popular Aldeia Kaiabi vai investir na agricultura familiar.

Além da coleta da castanha do Brasil, popularmente conhecida por castanha do Pará, agora eles querem produzir mais alimentos para a sustentação e até mesmo para exportação, já que as terras são agricultáveis.

Segundo cacique da etnia, Dionísio Marayup, vários indígenas já mantém sua produção de banana, milho, melancia entre outros e vende aos consumidores de Juara, porém, a finalidade agora é ampliar ainda mais essa produção para que todos possam ter sua renda mais crescida.

Dionísio explica que esse tipo de produção é chamado de roça de toco, e uma produção dessa magnitude ajuda a fomentar o comercio local, então nada melhor do que aproveitar essa oportunidade de produzir, e frisou que os representantes já procuram a secretaria de agricultura de Juara para orientar no que for preciso e prestar apoio para que os índios possam produzir.

Para ele, basta um pouquinho de organização por parte da comunidade para que essa produção se torne realidade.

Além da produção de banana, mandioca, melancia e milho, existe também a possibilidade de plantar o arroz que hoje se encontra em um bom patamar de preço, e isso seria a oportunidade de aumentar a renda da comunidade indígena Kawaiwete, vendendo no comercio local e até mesmo para outras localidades. Todo dinheiro adquirido com as vendas de castanha e agricultura gasto nos comércios de Juara.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil